Um agradecimento ao Google

Provavelmente já sabem o que acontece quando o Google encontra sites a distribuir malware ou vírus: os resultados são acompanhados de um alerta aos utilizadores, como aconteceu em tempos com o site do psd:

busca por psd no Google

Foi o que sucedeu a um site brasileiro, cujo responsável me contactou na terça-feira à noite. Na quarta dei-lhe instruções para repor todos os ficheiros afectados pelo invasor e depois me avisar. Foi já na madrugada da quinta-feira que submeti o pedido de revisão.

Para meu espanto, ao final da tarde de ontem já o alerta havia desaparecido, excepto para uma página que ainda permanece infectada (devidamente sinalizada na consola webmaster).

O rapidez do Google foi espantosa e merece ser elogiada, tanto mais que os seus clientes são os utilizadores e nada deve aos webmasters. Excepto, claro, boas relações públicas.

A Teoria e a prática

Na semana passada a Roberta deixou este comentário no artigo sobre RP e SEO que publiquei no Relações Públicas:

“Dei uma lida neste artigo do António, tem tudo a ver com a minha tese!”

A Roberta pensa abordar as “Online Public Relations” na sua tese e poderá tirar partido de alguns dos textos que aqui publiquei. Existem inúmeras referências para as páginas do site documentos arquivados no disco de computadores e, se a memória não me atraiçoa, num par de casos esses documentos encontravam-se arquivados em pastas com nomes como “tese” ou “mestrado”.

Se o leitor pensa utilizar informação dos artigos do Marketing de Busca para trabalhos escolares pedia-lhe duas coisas:

- que me envie uma cópia e, se o entender, autorização para o divulgar no blog.

- que verifique o que é escrito com outras fontes. Não só as técnicas partilhadas se desactualizam rapidamente como muitas das teorias publicadas em blogs, fóruns e afins têm por vezes uma relação difícil com a realidade e, quando postos à prova, os promotores ficam aquém das expectativas.

Um bom exemplo são as recentes polémicas e pesadelo de relações públicas associado envolvendo uma das empresas e autor que melhor se movimenta no mundo dos blogs, e aos quais eu reconhecia elevada autoridade nesse campo.

Nova morada para o blog

Diariamente chegam até aqui pessoas que não sabem o que é marketing de busca ou não estão familiarizadas com o blog. A solução que adoptei não me satisfazia e há já bastante tempo que estava para mudar o blog da raiz para uma subdirectoria. O blog está, por enquanto à experiência, em http://www.marketingdebusca.com/blog/ e a página de entrada contém uma descrição do blogue, algo que vi pela primeira vez no blog do Aaron.

Que me dizem, parece-vos razoável transferir o blog da homepage?
Com esta alteração haverá várias coisas a mudar: as entradas na página do blog serão preferencialmente completas e só excepcionalmente utilizarei o habitual link “Continue a ler…”. A página de entrada lista as últimas entradas do blog e, assim que me entender com o código, listará também uma breve descrição das mesmas e o número de comentários. Pelo menos a barra lateral da esquerda será alterada, uma vez que as entradas já se encontram listadas no artigo.

Desde já agradeço os comentários e outras sugestões que achem de interesse.

PS: para os interessados em mudar a página principal do blog no wordpress, basta seguir o seguinte caminho: Opções > Leitura. Seleccionar a opção “Uma página estática (seleccionar abaixo)” e em baixo indicar quais as páginas, previamente criadas, a utilizar como página de entrada e para o blog. A segunda pode perfeitamente ser uma página sem conteúdos.

Links de Maio

links
Algumas histórias do último mês que julgo merecedoras de alguma atenção.

Adsense Para Feeds, com o feedburner. Qual o número mínimo de leitores a partir do qual valerá a pena adoptar esta fonte de receitas?

CashBack: A Microsoft anunciou a sua última tentativa para captar mais tráfego para o seu motor de pesquisa, ou pelo menos, tráfego com intenção comercial.
Os parceiros da empresa oferecerão um desconto aos consumidores que comprem através deste mecanismo de pesquisa. Será o incentivo suficiente ou está a Microsoft a criar um mercado para limões?

Optimização de Imagens: O Rui tem uma excelente entrada sobre como promover imagens nos motores de busca.

O Blog da Nike: Se nem a Nike percebe os blogs admiram-se por haver tantos blogs de empresas a falhar miseravelmente?

Sociable PT: O Mário adaptou o plugin sociable para o português. Mais interessante, o Rui ligou na entrada o meu plugin Partilhar, permitindo que os utilizadores conheçam a alternativa.

O link permite ao Mário fornecer uma alternativa válida aos seus visitantes e, era aqui que eu queria chegar, o trackback permite-lhe conquistar um link de volta nos comentários da minha página. Uma forma inteligente, e pela minha parte mais do que bem vinda, de conquistar links e atenção dos leitores de outros blogs.

Um ano de Marketing de Busca

Faz hoje um ano que finalmente me decidi a arrancar com o projecto que tinha pensado (e adiado) por um par de meses; registei o domínio marketingdebusca.com ainda em Dezembro de 2006.

204 artigos e quase 900 comentários mais tarde a hora não é ainda de balanços: foi um ano rico em acontecimentos no MB, mas ainda há muito caminho a percorrer aqui no blog.

A efeméride oferece-se como o pretexto ideal para partilhar as respostas de um desafio que me foi lançado. O Hélder Encarnação, do Mercadologia, passou-me o meme Eureka – ideias para as entradas: onde encontro inspiração para as minhas entradas?

A inspiração vem frequentemente das minhas experiências de optimização para os motores de busca e os ensinamentos que vou colhendo. Outras decorrem das observações que faço em sites e blogs que vou encontrando nas minhas visitas.

Depois, há os suspeitos do costume, blogs que os leitores do MB reconhecerão pelas constantes referências que aqui vou deixando. Acompanho as novidades e sempre que as entendo relevantes (ou quando estou com falta de inspiração…) publico-as aqui.
Alguns destes autores, pela sua capacidade de trabalho e análise e pela criatividade, são eles próprios uma fonte de inspiração para mim.

Blogs que não estando directamente relacionados com o marketing ou os marketing de busca oferecem reflexões críticas sobre a web e marginalmente sobre o que se vai passando na arena, são também uma fonte importante para mim. Leio muito e não deixo de aprender com autores que por vezes têm dificuldades em perceber como a sua entrada x surge na primeira posição do Google para a palavra-chave y.

Finalmente, encontro inspiração nos temas do momento na lusoblogoesfera. Por vezes surge uma oportunidade para adicionar os meus dois cêntimos à discussão sem sair do meu campo de acção. Foi o que fiz na entrada sobre Sócrates e a Wikipedia, para dar um exemplo.

É da natureza do meme a angariação de novas vítimas que se convidem outros bloggers para que lhe dêem seguimento. Passo a bola aos cinco que se seguem:

Ao Armando Alves d’A Source of inspiration, obrigatório pelo nome escolhido, e que me tem enviado inspirações para o e-mail;

Ao Bruno Valverde Cota do MarketingFaculty.com que faz uso da inspiração para as entradas do blog e os artigos no DE;

Ao CJT do Comunicação Empresarial a quem parece não faltar inspiração para animar os seus blogs;

À Catarina do 100 nada que anda há anos a escrever entradas inspiradas. Será normal? ;)

E ao Félix do Murima, que, suspeito, tenha inspirações espontaneamente…

Procura-se Copy Junior para web

És um copywriter talentoso em início de carreira e gostarias de participar de um projecto aliciante, motivador e que te ajude a projectar o teu nome? Continua a ler.


Oferece-se fama, glória e quiçá alguma boa fortuna. Os resultados do teu trabalho estarão patentes perante as centenas de leitores deste site, entre os quais pessoas com responsabilidades em empresas com actividades de marketing.
O projecto não é remunerado, mas vê isto pelo lado positivo: também não serás explorado por um empregador ganancioso. Terás ainda a oportunidade de te apresentar e ao teu trabalho no blog.

Antes de te candidatar, verifica que satisfazes as seguintes condições:

A tarefa

A tua tarefa consiste na edição da landing page do ebook sobre gestão da reputação na internet e na promoção da mesma no blog. Promoção exterior ao blog não está incluída, mas será naturalmente bem-vinda…

O e-book foi já descarregado por mais de um milhar de internautas e consiste de um breve guia para gestão da reputação para todos aqueles que publicam e partilham informação online e se preocupam que um dia possam ter que prestar contas por algum comentário menos ponderado. Os dados do blog indicam que aproximadamente um terço dos visitantes da página efectuam descarga do documento.

O objectivo é simples: aumentar o número de visitantes na página e, ao mesmo tempo, melhorar a taxa de conversão da mesma.
Para tal terás total liberdade para reescrever o copy da “landing page” e editar o layout da mesma, inclusive fora do template do blog. Poderás também: (1) reescrever a chamada de atenção que brinda os novos visitantes no topo de cada página do blog, (2) publicar um banner na barra lateral do blog, (3) sugerir alterações ao ebook e até (4) publicar uma ou outra entrada no blog sobre o tema.

No fim, e mediante sucesso na tarefa, farás uma apresentação do teu trabalho e metodologia aos leitores deste blog e terás liberdade para criar a tua própria página neste espaço (o que poderá ajudar à tua gestão de reputação…)

Se o projecto te interessa entra em contacto por email até 31 de Janeiro e diz-me porque te devo seleccionar.

Sobre o Marketing de Busca: O MB é um blog líder no área do webmarketing em Portugal. É lido regularmente por várias centenas de pessoas, de simples curiosos a intervenientes activos na web, passando por jornalistas e decisores de empresas. A exposição neste espaço pode contribuir para o sucesso dos candidatos no mercado de trabalho (mais informação nos comentários).

Entradas favoritas

Foram 3 os temas nucleares em torno dos quais as entradas do blog foram centradas ao longo do ano:o seo, a gestão da reputação e os blogs. É com base nessa divisão que apresento algumas das entradas aqui publicadas, às quais acrescentei alguns recursos.

SEO

O SEO preocupa-se visibilidade nos resultados naturais dos motores de busca, de preferência no primeiro lugar no Google. Escreveu-se sobre os títulos, nomes de domínio no SEO, meta keywords, submissão de site a motores de busca e a directórios e a submissão automática (a evitar). Também se escreveu sobre como remover páginas do Google.

Gestão da Reputação

Uma das primeiras iniciativas do blog foi o Ebook sobre reputação online que reúne as entradas da série com o mesmo nome. Por vezes, ao tentar limpar a sua reputação as pessoas e empresas acabam porcausar maior dano.

Se o tema lhe interessa, conheça o Spock, um site para procurar pessoas e saiba como poderá googlar o seu ou o nome de terceiros. Atenção que também é possível saber se procuram por nós nos motores de busca.

Blogs

A segunda série deste blog foi dedicada à optimização de blogs – os artigos encontram-se listados na entrada. Também se sugeriu como “alojar” um blog em domínio próprio de forma simples e económica, uma solução até para blogs de empresas.

Se tem o seu blog wordpress em alojamento próprio leia sobre Urls canónicas e experimente o plugin (share this /partilhar esta entrada) que localizei para o português.
Para os utilizadores do blogger: optimizar títulos e ficheiro robots.txt no blogspot (o melhor é esqueçer as tags para SEO.)

Se se interessa por rankings, há uma lista com os blogs mais lidos no Google Reader, e que não é liderada pelo Abrupto. Um feed parcial é uma boa explicação para ter menos leitores nos agregadores de feeds do que poderia ter.

Recursos

Talvez queira saber como criar um motor de busca para o seu site ou procurar música com o Google. E se ainda não deu por ela, está no topo do site uma página com ferramentas para SEO.

Pequenas mudanças no blog

Introduzi recentemente algumas alterações aqui no blog, entre as quais novas categorias (wordpress, webmaster, page rank) e provavelmente novas estarão na calha – o meu objectivo é catalogar de forma mais precisa as entradas no blog. Fiz uma busca aos arquivos para reclassificar os casos mais óbvios mas devo ter esquecido algumas entradas.

A mudança mais visível encontra-se na barra lateral direita. Substituí a busca em site do wordpress, cuja funcionalidade deixa bastante a desejar, pelo motor de busca personalizado do Google, que apresentam os resultados com base na relevância e em formato mais familiar para quem busca.

custom search engine

Uma aresta ainda por limar é a presença de múltiplos resultados para o mesmo artigo, quando partes desse artigo se encontram repetidos nos arquivos, na página de categoria, na página principal e até na barra lateral, pelo que pondero excluir algumas dessas páginas dos resultados.

Reputação, Ass-of t, Expresso e feeds

Algumas notícias dignas de nota que em comum têm a brevidade: